Francisco J. Marques impedido de se aproximar e de contactar ex-companheira

Diretor de Comunicação do FC do Porto foi detido pela PSP, em cumprimento de mandado de detenção emitido pelo Ministério Público, na sequência de queixa por violência doméstica apresentada pela ex-companheira.

O diretor de Comunicação do FC do Porto, Francisco J. Marques, detido por suspeitas de violência doméstica, ficou esta quarta-feira impedido de se aproximar e de contactar com a vítima, disse à agência Lusa fonte judicial.

Francisco J. Marques foi detido na terça-feira pela PSP, em cumprimento de mandado de detenção emitido pelo Ministério Público, na sequência de queixa apresentada pela ex-companheira.

O arguido foi presente esta quarta-feira a primeiro interrogatório judicial, no qual um juiz de instrução criminal decretou como medidas de coação a obrigação de afastamento da vítima, controlada por pulseira, assim como a proibição de contactar a ofendida por qualquer meio, acrescentou a mesma fonte.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de