Marcelo confirma Gouveia e Melo como novo chefe do Estado-Maior da Armada

Tal como a TSF avançou na terça-feira, o Presidente da República nomeou o antigo coordenador da task force para chefe do Estado-Maior da Armada, exonerando o almirante Mendes Calado.

O Presidente da República vai nomear Henrique Gouveia e Melo para o cargo de chefe do Estado-Maior da Armada, tal como avançou a TSF. O antigo coordenador da task force da vacinação vai, em simultâneo, ser promovido a almirante e ocupar o cargo até agora do almirante Mendes Calado.

"Depois de receber o Senhor Almirante CEMA, e tendo em consideração a que haverá, muito em breve, legislação orgânica sobre o Estado-Maior-General e os três ramos das Forças Armadas - significando um novo ciclo político e funcional -, entendeu ser chegado o tempo de proceder à referida exoneração. Assim se antecipa de alguns meses o termo do segundo mandato, a ocorrer de acordo com disponibilidade manifestada pelo Senhor Almirante CEMA. O Presidente da República agradece e louva o muito qualificado desempenho do Senhor Almirante Chefe do Estado-Maior da Armada, aliás, no quadro de uma carreira brilhante, e condecora-o com a Grã-Cruz da Ordem de Cristo", lê-se numa nota da Presidência da República.

Assim, Marcelo Rebelo de Sousa dá parecer positivo à proposta do Governo e depois de ouvir o Conselho do Almirantado para nomear Henrique Gouveia e Melo. A tomada de posse de Henrique Gouveia e Melo está agendada para a próxima segunda-feira, 27 de dezembro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de