Homem de 35 anos detido em Condeixa-a-Nova por suspeita de fogo posto

PJ afirmou que os crimes de fogo posto foram praticados na terça-feira, na povoação de Sebal.

Um homem de 35 anos, solteiro e desempregado, foi detido pela presumível prática de dois crimes de incêndio florestal no concelho de Condeixa-a-Nova, informou esta quinta-feira a Polícia Judiciária.

Em comunicado, a PJ afirmou que os crimes de fogo posto foram praticados na terça-feira, na povoação de Sebal, naquele município do distrito de Coimbra.

"O suspeito, com uso de chama direta, ateou os incêndios em terreno florestal, densamente povoado com matos, eucalipto e pinheiro bravo, inseridos em misto de área urbana, agrícola e florestal".

Segundo a nota, os incêndios "teriam proporções mais gravosas, caso não tivesse havido uma rápida intervenção dos populares e dos meios de combate", incluindo bombeiros e meios aéreos.

Através da Diretoria do Centro, a PJ deteve o homem "com a colaboração" da GNR de Condeixa-a-Nova e do Grupo de Trabalho para a Redução das Ignições em Espaço Rural - Zona Centro.

"O detido vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de