Hospital de Setúbal com constrangimentos na obstetrícia e ortopedia além de urgência pediátrica encerrada

O Serviço de Obstetrícia do Hospital de São Bernardo não vai receber doentes das 09h00 às 21h00 de sexta-feira.

O Hospital de São Bernardo, em Setúbal, que tem a Unidade de Urgência Pediátrica encerrada até à próxima segunda-feira por falta de médicos, também está com constrangimentos na Obstetrícia e na Ortopedia, esta quinta e na sexta-feira.

De acordo com a informação transmitida às Companhias de Bombeiros da região pelo Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU), o Serviço de Ortopedia/Traumatologia daquele hospital não recebe doentes até às 08h00 de sexta-feira.

O Serviço de Obstetrícia do Hospital de São Bernardo também está com constrangimentos, pelo que não irá receber doentes das 09h00 às 21h00 de sexta-feira.

A Câmara de Setúbal tem prevista uma reunião com o Conselho de Administração do Hospital de São Bernardo, que também está agendada para sexta-feira, para avaliar a situação no Hospital de São Bernardo.

Entretanto, juntamente com os municípios de Palmela e Sesimbra, a Câmara de Setúbal também já solicitou uma reunião urgente ao ministro da Saúde, face à falta de médicos que está a afetar a prestação de cuidados de saúde em todos os hospitais públicos da península de Setúbal, no Barreiro, em Almada, e Setúbal.

Pode consultar os tempos de espera em todos os hospitais do país aqui

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de