Hospital Sobral Cid com espaço de artes para promover saúde mental

Chama-se a Casa de Artes e resulta de uma colaboração com a associação Manicómio. Além da intervenção junto dos doente do hospital psiquiátrico, vai ser dada formação a vários técnicos para que o projeto possa continuar no futuro.

Uma mão, um sol e um pôr do sol. São trabalhos de Ana, uma das utentes do Hospital Sobral Cid, que estava esta manhã na abertura da Casa de Artes: "Acho muito interessante, muito gratificante. É bom para distrair a mente, para educar e de autoconhecimento através deste trabalho."

A Casa de Artes tem a colaboração do projeto "Nós os Loucos aqui vos Esperamos", da associação Manicómio, e quer através das artes promover a saúde mental dos utentes do hospital.

"O projeto pretende desenvolver a capacidade dos doentes com patologia psiquiátrica no sentido de uma libertação interior e na criação de novas artes", afirmou Horácio Firmino, diretor do Centro de Responsabilidade Integrada (CRI) de Psiquiatria.

Segundo o diretor é preciso "deixar de ter a ideia que para desenvolver a saúde mental apenas são necessários medicamentos e psicoterapia" e que há outras intervenções possíveis. Por isso, a abertura que diz haver para alargar os métodos de intervenção com os pacientes, referindo a fotografia ou o teatro como possibilidade. Ainda assim, nota, que nada está definido.

A participação no projeto Casa de Artes é voluntário, com Horácio Firmino a adiantar que há mais de 100 pacientes que a podem frequentar.

Esta iniciativa abrange ainda alguns profissionais de saúde. Segundo Horácio Firmino a intenção é que possam "ganhar alguma formação de utilização dos materiais pelos monitores que vem do Manicómio para que, amanhã, quando o projeto que acabar, em março/abril, este projeto não morra".

"Durante os próximos seis meses temos cá um artista que vem mediar a ligação com a arte e com as pessoas do hospital e tentar não ensinar mas proporcionar ferramentas", explica Sandro Resende, do Manicómio, sobre o trabalho a desenvolver.

A colaboração com o Hospital Sobral Cid está integrado na segunda edição do projeto "Nós os Loucos aqui vos Esperamos" desenvolvido anteriormente nos hospitais Magalhães Lemos e Conde Ferreira. Sandro Resende espera que, se houver trabalhos de qualidade, esta iniciativa termine com uma exposição para mostrar os trabalhos dos utentes.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de