Incêndio em exploração pecuária mata 1.400 leitões

O combate às chamas mobilizou 26 operacionais, apoiados por nove veículos.

Cerca de 1.400 leitões morreram carbonizados num incêndio ocorrido este domingo de madrugada numa exploração pecuária situada no concelho de Montemor-o-Novo, no distrito de Évora, disse fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS).

A fonte do CDOS de Évora indicou à agência Lusa que o fogo, para o qual foi dado o alerta às 00h26, atingiu instalações da Herdade da Caneira de Baixo, localizada na união de freguesias de Cortiçadas do Lavre e Lavre, concelho de Montemor-o-Novo.

Segundo a mesma fonte, além da morte dos cerca de 1.400 animais, as chamas também provocaram danos na estrutura das instalações para os suínos.

Contactada pela Lusa, uma fonte da GNR escusou-se, para já, a avançar com possíveis causas para o incêndio.

O combate ao fogo mobilizou elementos dos Bombeiros de Montemor-o-Novo e de Vendas Novas e da GNR, num total de 26 operacionais, apoiados por nove veículos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de