Incerteza sobre a AstraZeneca, plano para concelhos de risco e outros destaques TSF

Agência Europeia do Medicamento deve pronunciar-se sobre o risco associado à vacina ainda esta semana.

Depois de um alto funcionário ter confirmado a associação entre a vacina da AstraZeneca e a ocorrência de tromboses, a Agência Europeia do Medicamento ainda não tirou qualquer conclusão sobre o risco de utilização do fármaco.

A assistir a toda a confusão a partir de Portugal, o primeiro-ministro António Costa deixou, para já, um aviso: "Se houver um berbicacho terá inevitáveis consequências no processo de vacinação."

O Infarmed também está, para já, à espera de conclusões da agência europeia. Até lá, mantém-se o uso da vacina.

A terça-feira é, precisamente, dia de saber como está a correr a vacinação em Portugal. No relatório semanal divulgado pela Direção-Geral da Saúde consta a informação de que 13% dos portugueses já receberam pelo menos uma dose da vacina e de que há 580 mil que já completaram mesmo o processo de vacinação.

O primeiro-ministro revelou também, esta tarde, o plano para travar a Covid-19 nos concelhos com maior taxa de incidência.

Na política portuguesa houve, esta terça-feira, um aviso do PS ao PSD: não vale tudo. A polémica nasce de um tweet social-democrata sobre a venda das barragens da EDP e leva o líder parlamentar socialista, João Paulo Rebelo, a falar de um "ataque calunioso".

Esta terça-feira há também notícia de que Franklim Lobo, apontado pela PJ como tendo um longo historial de ligação ao narcotráfico, foi condenado a 11 anos de prisão.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de