Já se passa na Marginal. Reaberta a circulação sob a Ponte da Arrábida

A intervenção da Infraestruturas de Portugal foi feita durante esta madrugada e tratou da remoção dos pedaços de argamassa e betão no troço da rua do Ouro sob a Ponte da Arrábida.

A Câmara do Porto anunciou a reabertura da circulação no troço da rua do Ouro sob a Ponte da Arrábida, depois de, na noite de terça para quarta-feira, a queda de destroços da obra arquitetónica ter obrigado à interdição da passagem.

Pedaços de argamassa e betão foram removidos pela IP - Infraestruturas de Portugal -, a entidade responsável pela ponte, e o desprendimento de novos blocos ou pedaços foi também prevenida. A operação ocorreu durante a madrugada, até às 5h00, período durante o qual o trânsito foi parcialmente cortado no tabuleiro da ponte.

As condições de segurança foram asseguradas pela Câmara do Porto, que garante, no seu portal, que o desprendimento dos fragmentos não diz respeito a "elementos estruturais da Ponte da Arrábida".

"Posteriormente, serão feitos trabalhos de reparação relativamente à argamassa e a IP vai elaborar um projeto de reparação geral na Ponte da Arrábida, que é já alvo de inspeções regulares pela própria IP e do acompanhamento pelo LNEC - Laboratório Nacional de Engenharia Civil", assegura o site da autarquia , que continua "a acompanhar a situação em permanência e em articulação pela IP".

A IP avançou também que "serão executados os trabalhos de reparação do revestimento inferior do tabuleiro da ponte" em data ainda por determinar, em comunicado aos jornalistas.

Até ao momento da desobstrução da via, nem a pé se podia passar na Marginal.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de