Linha do Norte reabriu num sentido. Restante circulação deve ser retomada ainda este domingo

O descarrilamento do comboio, que transportava 212 passageiros, causou dois mortos e 44 feridos, oito dos quais graves.

A circulação de comboios na linha do Norte, interrompida desde sexta-feira por causa de um acidente ferroviário, reabriu na madrugada deste domingo de forma condicionada, disse à agência Lusa fonte oficial da Infraestruturas de Portugal (IP).

De acordo com o assessor de imprensa da empresa, a linha ferroviária reabriu apenas no sentido norte-sul e com limitação de velocidade à passagem pelo local onde, na sexta-feira, um comboio Alfa Pendular descarrilou, no concelho de Soure, distrito de Coimbra.

O descarrilamento do comboio, que transportava 212 passageiros, causou dois mortos e 44 feridos, oito dos quais graves.

Segundo nota informativa do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários (GPIAAF), a que a agência Lusa teve acesso, um Veículo de Conservação de Catenária, no qual seguiam duas pessoas - as duas vítimas mortais -, passou um sinal vermelho e entrou na Linha do Norte, tendo sido abalroado pelo comboio Alfa Pendular.

O comboio seguia no sentido sul - norte com destino a Braga e o descarrilamento ocorreu após o embate entre o Alfa Pendular e uma máquina de trabalho, perto da vila de Soure, junto à localidade de Matas.

Reabertura da circulação na linha do Norte prevista para este domingo

A circulação de comboios na linha do Norte, interrompida desde sexta-feira por causa de um acidente ferroviário, deverá ser restabelecida durante este domingo, avançou a Infraestruturas de Portugal.

A empresa tinha informado inicialmente que o restabelecimento da circulação nas duas vias estava previsto para segunda-feira, mas esclareceu que é "no decorrer de hoje".

"A Infraestruturas de Portugal informa que está previsto que seja possível restabelecer a circulação em ambas as vias no decorrer do dia de hoje, domingo", refere a empresa numa nota enviada à agência Lusa.

A empresa adianta que foi possível restabelecer "ao início do dia, à 01h45, a circulação através da via descendente no troço da Linha do Norte entre Pombal e Alfarelos", depois de realizados os trabalhos de reparação da via e catenária à saída da Estação de Soure.

"A circulação ferroviária processa-se através desta via de forma alternada em ambos os sentidos e foi implementa a redução de velocidade a 30 Km/h entre o Km 185,7 e o Km 186,250", refere a Infraestruturas de Portugal.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de