Maiores de 80 e residentes em lares com reforço da vacina a partir da próxima semana

Vacinação em lares começa já na segunda-feira, mas os maiores de 80 anos serão convocados através de agendamento, SMS ou chamada telefónica.

A Direção-Geral da Saúde anunciou esta quinta-feira que os maiores de 80 anos e os utentes de Estruturas Residenciais para Idosos (ERPI) vão receber a segunda dose de reforço da vacina contra a Covid-19 já a partir da próxima semana.

Nos lares, a vacinação começa já na próxima segunda-feira, 16 de maio, ao passo que os maiores de 80 anos começarão a ser vacinados "durante a próxima semana, nos centros de vacinação ou nos centros de saúde", lê-se num comunicado enviada às redações pela DGS.

Os maiores de 80 anos serão convocados "por agendamento local, através de SMS ou chamada telefónica", à semelhança de fases anteriores da vacinação.

Este reforço é recomendado pela Comissão Técnica de Vacinação Contra a COVID-19 (CTVC) para "melhorar a proteção da população mais vulnerável, face ao atual aumento da incidência de casos" no país, sendo elegíveis perto de 750 mil pessoas, "que devem ser vacinadas com um intervalo mínimo de 4 meses após a última dose ou após um diagnóstico de infeção por SARS-CoV-2". Assim, o reforço vai também abranger quem recuperou da doença.

Jovens imunossuprimidos dos 12 aos 15 também recebem reforço

As autoridades de saúde anunciam também que os jovens entre os 12 e 15 anos com condições de imunossupressão também são elegíveis para uma dose adicional da vacina contra a Covid-19, ocorrendo a inoculação "de acordo com orientação e prescrição médica".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de