Mais 75 mortes e 4336 novos casos de Covid-19 em Portugal

Nas últimas 24 horas recuperaram 3662 pessoas.

Estão confirmadas 5977 mortes devido à Covid-19 em Portugal, mais 75 do que no último boletim epidemiológico.

O número de pessoas infetadas pela doença até agora é de 366 952, mais 4336 nas últimas 24 horas. Há, neste momento, 70.285 casos ativos.

Até ao momento, 290.690 pessoas conseguiram recuperar, das quais 3662 nas últimas 24 horas.

Há 77.432 pessoas em vigilância pelas autoridades de saúde.

Relativamente às 75 mortes registadas nas últimas 24 horas, o boletim revela que 31 ocorreram na região Norte, 27 na região de Lisboa e Vale do Tejo, 12 no Centro, quatro no Alentejo e uma na Região Autónoma dos Açores.

Segundo o boletim da DGS, a região Norte foi a que registou o maior número de novas infeções por SARS-CoV-2 nas últimas 24 horas (2001), representando 46,1% do total.

Desde o início da pandemia a região Norte registou 191.058 casos e 2.830 mortes.

Na região de Lisboa e Vale do Tejo foram notificadas 1360 novas infeções, contabilizando-se até agora 118.576 casos e 2.062 mortes.

Na região Centro registaram-se mais 674 casos, acumulando um total de 39.552 infeções e 835 mortos.

Já no Alentejo, foram assinalados mais 195 casos, totalizando 8606 infeções e 160 mortos desde que começou a epidemia em Portugal.

A região do Algarve tem esta sexta-feira notificados 67 novos casos, somando 6458 infeções e 62 mortos.

A Madeira registou 18 novos casos. Desde março, esta região autónoma contabiliza 1172 infeções e sete mortes.

Na Região Autónoma dos Açores foram registados 21 novos casos nas últimas 24 horas, somando 1530 infeções detetadas e 21 mortos.

Os casos confirmados distribuem-se por todas as faixas etárias, situando-se entre os 20 e os 59 anos o registo de maior número de infeções.

O novo coronavírus já infetou em Portugal pelo menos 164.879 homens e 201.941 mulheres, referem os dados da DGS, segundo os quais há 132 casos de sexo desconhecido, que se encontram sob investigação, uma vez que estes dados não são fornecidos de forma automática.

Do total de vítimas mortais, 3112 eram homens e 2865 mulheres.

O maior número de óbitos continua a concentrar-se nas pessoas com mais de 80 anos, seguido das pessoas entre os 70 e os 79 anos.

CONSULTE AQUI O BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO

* Atualizado às 14h40

LEIA AQUI TUDO SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de