Medina chumba novos alojamentos locais, Rui Moreira destacado e outros destaques TSF

Leia a entrevista de Fernando Medina à TSF e ao DN.

Fim de novos alojamentos locais em toda a cidade de Lisboa e creches gratuitas também nos setores privado e social. Em entrevista à TSF e ao DN, o presidente recandidato garante ainda que, se não tiver maioria absoluta, só depois das eleições decidirá com quem vai conversar à esquerda.

Em reação a estas palavras de Medina, o presidente da Associação de Alojamento Local em Portugal diz ter ficado surpreendido com o anúncio que promete proibir a abertura de novos alojamentos locais. À TSF, Eduardo Miranda defende que a medida compromete a recuperação e a qualidade do turismo na capital.

No Porto, Rui Moreira tem larga vantagem no chamado potencial de voto, somando os que dão como certo o voto e os que admitem escolher um determinado candidato, o atual presidente da autarquia tem a "simpatia" de 74% dos eleitores. No potencial de voto segue-se Vladimir Feliz, do PSD, com 29%, Tiago Barbosa Ribeiro, do PS, com 27%, empatado com Ilda Figueiredo, da CDU. No fim da lista está Sérgio Aires, do Bloco de Esquerda, com 19% de potencial de votos e com menos um ponto Bebiana Cunha, do PAN. Veja estas e outras conclusões da sondagem da Aximage para a TSF, JN e DN.

Cristiano Ronaldo está quase a ser jogador do Manchester City. A TSF tem informações de que o negócio está preso por detalhes. Nas próximas horas o capitão da seleção nacional pode ser anunciado como reforço da equipa inglesa.

O treinador da Juventus, Massimiliano Allegri, confirmou a vontade de o futebolista português Cristiano Ronaldo deixar o clube italiano, em conferência de imprensa.

Já o Sporting de Braga ficou esta sexta-feira a conhecer os três adversários da fase de grupos da Liga Europa. No Grupo F terá pela frente Estrela Vermelha, Ludogorets e Midtjylland.

Pelo menos 95 pessoas morreram e 150 ficaram feridas no duplo atentado bombista perpetrado na quinta-feira pelo grupo extremista Estado Islâmico (EI) no aeroporto de Cabul, indicou esta sexta-feira um novo balanço.

O trabalho dos quatro militares portugueses no aeroporto de Cabul no apoio à retirada de cidadãos afegãos está "praticamente concluído" e estes vão sair de Cabul "dentro de algumas horas", avançou o ministro da Defesa.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de