Morreu Jorge Coelho, ligação entre a AstraZeneca e os coágulos e outros destaques TSF

Jorge Coelho era ministro da Administração Interna aquando da queda da ponte de Entre-os-Rios. Demitiu-se dizendo "a culpa não pode morrer solteira".

O antigo ministro e dirigente socialista Jorge Coelho morreu, esta quarta-feira, aos 66 anos, vítima de doença súbita. Na antena da TSF, António Guterres, Marcelo Rebelo de Sousa, António Vitorino e José Junqueiro recordaram aquele que foi um amigo, braço-direito, opositor político e companheiro de Governo.

A Agência Europeia do Medicamento confirmou a existência de uma "possível ligação" entre a vacina da AstraZeneca e os casos muito raros de formação de coágulos sanguíneos "pouco habituais" que estão a ser registados. Ainda assim, os benefícios mantêm-se superiores aos riscos da toma da vacina.

A Organização Mundial de Saúde não demorou a, por seu lado, indicar que a ligação entre a vacina e o desenvolvimento de uma forma rara de coágulos sanguíneos é "plausível mas não confirmada".

Em Sevilha, numa noite de Liga dos Campeões, o FC Porto saiu derrotado por 2-0 do jogo frente aos ingleses do Chelsea. Mount e Chilwell assinaram os golos da partida e puniram os erros cometidos pelos dragões. Os golos estão aqui:

De volta à realidade nacional, sabe-se esta quarta-feira que o ​​​​​​​coletivo que está a julgar os três inspetores do Serviços de Estrangeiros e Fronteiras pela morte de Ihor Homeniuk está a ponderar alterar a acusação de homicídio qualificado para ofensa grave à integridade física agravada pelo resultado (morte).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de