Mais de 90 estrangeiros impedidos de entrar em Portugal nos últimos três meses

Neste período, 91 cidadãos estrangeiros não passaram do aeroporto, dos quais um terço recorreu ao apoio jurídico prestado desde março pela Ordem dos Advogados.

Nos últimos três meses foi recusada a entrada em Portugal a 91 cidadãos estrangeiros. Os dados reunidos pela Ordem dos Advogados, a pedido da TSF, dizem respeito ao período desde que entrou em vigor o protocolo celebrado entre a Ordem, o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) e o Ministério da Justiça, que permite aos cidadãos estrangeiros a quem é recusada a entrada em território nacional pedirem apoio jurídico oficioso.

Dos 91 cidadãos que não puderam passar a alfândega, um terço solicitou os serviços do advogado colocado à disposição.

A esmagadora maioria dos cidadãos (80%) que recorreram a essa ajuda é de nacionalidade brasileira.

Só um dos casos de recusa de entrada em Portugal não aconteceu no aeroporto de Lisboa, tendo sido registado no aeroporto de Sá Carneiro, no Porto.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de