Novas restrições? Regras são para manter até dia 27

Mariana Vieira admite que, até 27 de julho, quando os peritos se reunirão no Infarmed, não haverá um abrandamento das medidas de restrição.

Noventa dos 278 concelhos de Portugal continental (32,4%) estão em risco elevado ou muito elevado de incidência de Covid-19, e estão agora sujeitos a medidas mais restritivas, inclusive dever de recolhimento entre as 23h00 e as 05h00, anunciou esta quinta-feira o Governo. As regras para os concelhos de maior risco, que aumentaram no global de 60 para 90, "são as mesmas que se aplicavam até então", e deverão vigorar até ao dia 27 de julho, data da próxima reunião com os peritos no Infarmed.

"Enquanto tivermos um Rt maior do que um, teremos um aumento de casos", lembra a ministra, justificando também que a aplicação da matriz resulta em medidas mais restritivas. Não é expectável um alívio destas medidas antes de 27 de julho, até porque, explica Mariana Vieira da Silva, só 15 dias da entrada em vigor desta restrição depois haverá uma avaliação da eficácia.

Além disso, "o crescimento da pandemia é neste momento menor do que já foi", garante a ministra da Presidência, mas é necessário esperar pelos próximos dias para saber se o pico de contágios desta nova vaga já foi ultrapassado.

Sobre o retorno do público aos estádios de futebol, a ministra garantiu que a DGS tem estado a trabalhar num parecer; que o parecer já existe mas tem de ser trabalhado, e, no dia 27, o Governo irá decidir.

LEIA TUDO SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de