Novidades sobre os votos na Europa, vários feridos em Nelas e outros destaques TSF

Votos têm de ser acompanhados de uma fotocópia do documento de identificação.

Estão decididas as datas em que os eleitores portugueses no círculo da Europa vão repetir a votação das eleições legislativas: é a 12 e 13 de março que voltam às urnas. Em conferência de imprensa, a Comissão Nacional de Eleições explicou ainda que os votos por correspondência vão ser aceites até ao dia 23 do mesmo mês.

Os portugueses em França e na Alemanha já antecipam uma forte abstenção nesta repetição da votação. O curto período para informar os eleitores e a necessidade de deslocação destes são dois dos obstáculos apontados.

Em Nelas, o que começou por parecer um incêndio acabou por tornar-se numa "operação com contornos policiais". São as palavras do Comandante Distrital de Operações de Socorro de Viseu, Miguel David, que confirmou que foram encontrados "engenhos explosivos" no terreno.

O ministro português da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, revelou que as observações da NATO não detetaram qualquer retirada de forças militares da Rússia junto à fronteira com a Ucrânia, pelo que a situação mantém-se "extremamente perigosa".

Entretanto, o Parlamento Europeu aprovou uma ajuda de emergência à Ucrânia de 1,2 mil milhões de euros. Proposto pela Comissão Europeia, 598 eurodeputados votaram a favor, 55 contra e houve 41 abstenções.

Iberospinus natarioi. É este o nome da nova espécie de dinossauro aquático descoberta no Cabo Espichel, em Sesimbra. A história já remonta a 1999, ano em que o exemplar foi considerado "estranho". Seguiram-se mais três escavações - a última delas em 2020 - e nasceu o "novo dinossauro português".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de