O despacho de Costa sobre a Endesa, o sorteio do Benfica na Champions e outros destaques TSF

Numa nota enviada às redações, o gabinete do primeiro-ministro escreveu que o despacho sobre a Endesa surge "perante as ameaças de práticas especulativas nos preços a praticar pela empresa e o dever de o Estado proteger o interesse dos contribuintes na gestão dos dinheiros públicos".

Esta terça-feira fica marcada por um despacho do primeiro-ministro, António Costa, assinado esta segunda-feira, determina que o pagamento de faturas por parte do Estado à Endesa terá de ser validado previamente pelo Secretário de Estado do Ambiente e da Energia, João Galamba.

No final da manifestação em que participaram mais de 400 pilotos da Aviação Civil, o sindicato acusou o ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, de "compactuar" com o que diz serem erros na gestão da TAP e garante que os pilotos "já deram tudo o que tinham a dar" nas negociações com a empresa. A TAP lamentou não ter chegado a um acordo com os seus pilotos, mas mantém-se "empenhada em encontrar soluções que permitam garantir a sustentabilidade da empresa e de todos os seus trabalhadores".

No desporto, o Benfica soube que vai defrontar o vencedor do Dínamo Kiev-Sturm Graz nos play-offs da Champions caso ultrapasse o Midtjylland na 3.ª pré-eliminatória.

No caso do MotoGP, ficou a ser conhecido que o Grande Prémio de Portugal será a prova de abertura do Campeonato do Mundo de Velocidade em motociclismo de 2023, com as categorias de Moto GP, Moto2 e Moto3.

Em declarações à TSF, João Pedro Matos Fernandes anunciou que vai renunciar ao mandato de deputado da Assembleia da República em setembro e começar uma carreira no ensino. O antigo ministro do Ambiente, que assumiu o seu lugar no hemiciclo depois das últimas legislativas, foi convidado para ser professor catedrático na Universidade do Porto.

Na Nova Zelândia, os deputados foram avisados para não utilizarem o TikTok nos telemóveis parlamentares. A recomendação deve-se ao receio de os dados presentes nos dispositivos serem acedidos pelo governo chinês.

Já em Espanha, destaque para a polémica de uma campanha institucional espanhola com a mensagem "todos os corpos são de praia" que se tornou alvo de críticas e ridicularização na Internet, provando, para quem a defende, que a "gordofobia" e a "violência estética" existem e há que combatê-las.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de