O "Dia D" da Operação Marquês, uma cidade dourada com três mil anos e outros destaques TSF

Em destaque o estudo que revela haver "segregação" dos alunos filhos de imigrantes em 34% das escolas em Portugal.

Esta sexta-feira é o "Dia D" da Operação Marquês. Seis anos depois de ter sido detido, José Sócrates vai saber se vai a julgamento, podendo tornar-se no primeiro ex-chefe de Governo português a ser julgado por corrupção e outros crimes, caso não seja absolvido na instrução da Operação Marquês. O anúncio da decisão do juiz Ivo Rosa pode ser acompanhado em direto a partir das 14h30 na antena da TSF e em tsf.pt.

O antigo primeiro-ministro está, desde 2017, acusado de 31 dos 189 crimes da Operação Marquês, entre os quais corrupção passiva, branqueamento de capitais, falsificação de documentos e fraude fiscal, num processo com 28 arguidos e que já dura há sete anos.

Da detenção no aeroporto, passando pela prisão em Évora. Recorde os momentos-chave da Operação Marquês.

Quase um em cada sete alunos do terceiro ciclo tem pelo menos um progenitor estrangeiro. Um estudo da Universidade Nova de Lisboa encontrou sinais de "segregação" dos alunos filhos de imigrantes em 34% das escolas, numa distribuição desigual que tende a concentrá-los nas mesmas turmas.

Viajando agora até ao Egito. Foi descoberta aquela deverá ser a maior cidade do Egito Antigo que se mantinha soterrada na areia há milénios. Os arqueólogos envolvidos na exploração acreditam que se trata de uma das descobertas mais importantes desde que o túmulo de Tutankhamon foi desvelado.

No campo das experiências científicas, uma minúscula partícula, o muão, pode por em causa as leis básicas sobre as quais o mundo da física se baseia há décadas. O resultado é de um estudo realizado nos Estados Unidos que revelou que os muões se comportam de uma forma que não corresponde ao Modelo Padrão.

Voltando à polémica com a vacina da AstraZeneca, desta vez em França. O ministro da Saúde francês afirmou que as pessoas com menos de 55 anos que receberam a primeira dose desta vacina contra a Covid-19 devem receber a segunda dose de outra vacina.

Por fim, a tensão entre a Ucrânia e a Rússia. Os Estados Unidos estão a ponderar o envio, nas próximas semanas, de navios de guerra para o Mar Negro para apoiar a Ucrânia face à crescente presença militar da Rússia na fronteira oriental daquele país.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de