O que já se sabe do Orçamento do Estado, um Nobel da Paz para três e outros destaques TSF

A manhã informativa ficou marcada pela atribuição do Prémio Nobel da Paz e pelas audições aos partidos a três dias da entrega do orçamento do Estado.

O Governo prevê no próximo ano um crescimento de 1,3 por cento, contra os 6,5 deste ano. A TSF apurou que o Executivo prevê ainda um défice de 0,9 por cento em 2023, ao contrário dos 1,9 deste ano.

O ministro da Administração Interna anunciou esta sexta-feira que a proposta do Orçamento do Estado para 2023 prevê aumentos na ordem dos 100 euros para os novos agentes da PSP e militares da GNR.

E segundo o secretário-geral da Federação de Sindicatos da Administração Pública (Fesap), o Governo propôs um aumento do valor do subsídio de refeição na função pública, dos atuais 4,77 euros para 5,20 euros por dia.

Vários partidos foram esta manhã recebidos pelos ministros das Finanças, Fernando Medina, e Adjunta e dos Assuntos Parlamentares.

O Livre considerou que será um "enorme erro" se o Governo quiser fazer "um brilharete" ao superar a meta de 1,9% do défice previsto até ao final do ano, "à custa da vida das pessoas".

O PAN considerou excessivamente otimistas as projeções do Governo de crescimento para 2023, criticou a linha conservadora na política fiscal e admitiu que Portugal termine este ano com excedente orçamental.

Já o líder parlamentar do BE acusou o Governo de aceitar um "empobrecimento generalizado" dos portugueses pela perda de poder de compra de salários e pensões e contribuir para uma possível "tempestade perfeita" na economia portuguesa.

As audições aos partidos prosseguem ao longo da tarde. Pode acompanhar aqui todas as notícias sobre o Orçamento do Estado para 2023:

O Prémio Nobel da Paz deste ano foi atribuído ao ativista bielorrusso Ales Bialiatski a e duas organizações de defesa de direitos humanos, a russa Memorial e a ucraniana Centro Para as Liberdades Civis.

A Ucrânia garante "vida e segurança" aos soldados russos que se rendam, prometeu esta sexta-feira o ministro da Defesa, Oleksiy Reznikov, no momento em que as forças de Kiev avançam no sul e leste do país.

O Presidente dos Estados Unidos disse esta quinta-feira que a ameaça russa de utilizar armas nucleares no conflito da Ucrânia coloca o mundo em risco de um "apocalipse".

A três dias da entrega do orçamento, o líder da bancada parlamentar do PSD acusa o PS de estar a anunciar aquilo a que os sociais-democratas chamam "crescimento ilusório" da economia. Entrevistado do Em Alta Voz, Joaquim Miranda Sarmento desmente ainda que haja qualquer entendimento entre PSD, Chega e Iniciativa liberal.

Um incêndio na Ilha de Páscoa danificou as famosas estátuas de pedra gigantes, conhecidas como "moais".

Pebbles, o cão mais velho do mundo, morreu no início desta semana aos 22 anos no sudeste dos Estados Unidos, anunciou esta quarta-feira o livro de recordes do Guinness.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de