Obras do Metro do Porto condicionam trânsito na Praça da Liberdade em setembro

Os trabalhos de preparação da via já estão em curso, embora o condicionamento comece apenas a partir de quarta-feira.

A circulação rodoviária na Praça da Liberdade, no Porto, vai sofrer alterações a partir de quarta-feira devido às obras da Linha Rosa do Metro, estando a circulação interrompida num troço daquela via até ao final do próximo mês.

Em comunicado, a Câmara do Porto refere que, devido à realização de um desvio de uma conduta adutora e de modo a garantir condições de segurança à mobilidade de pessoas e veículos, "torna-se necessário estabelecer os dois sentidos de trânsito na Praça da Liberdade no arruamento descendente, no troço compreendido entre o n.º 53 e o n.º 92".

Será concebida uma via de circulação que fará a ligação entre faixas de rodagem da Praça da Liberdade (poente para nascente) e que permitirá assegurar o sentido ascendente neste arruamento.

Por esse motivo, acrescenta o município, ficará proibida a circulação de trânsito na Praça da Liberdade, arruamento ascendente, no troço compreendido entre o n.º 139 e o n.º 123, exceto cargas, descargas e acesso a garagens.

Além disso, refere, durante o mesmo período estará proibida a paragem e o estacionamento na Praça da Liberdade, arruamento ascendente, no troço compreendido entre o n.º 112 e o n.º 92.

Da mesma forma serão proibidos a paragem e o estacionamento no arruamento descendente, no troço entre o n.º 139 e o n.º 123.

Segundo a autarquia, os trabalhos de preparação da via já estão em curso, embora o condicionamento comece apenas a partir de quarta-feira.

Na sua página oficial, a Metro do Porto indica que, a partir desta segunda-feira, o primeiro troço da via nascente da Praça da Liberdade fica interrompido ao trânsito automóvel por um período de 30 dias, passando a circulação rodoviária a fazer-se, em ambos os sentidos, através da via poente da Praça da Liberdade.

Após esta intervenção, no desenvolvimento da construção da Linha Rosa do Metro do Porto e da nova Estação S. Bento/Liberdade, outros condicionamentos e desvios de trânsito vão ser implementados em toda aquela zona, informa a operadora.

A nova Linha Rosa do Metro do Porto é formada por quatro estações e três quilómetros de via, ligando S. Bento/Praça da Liberdade à Casa da Música, servindo o Hospital de Santo António, o Pavilhão Rosa Mota, o Centro Materno-Infantil, a Praça de Galiza e as faculdades do polo do Campo Alegre.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de