Os anúncios de Costa sobre pensões e professores, Mário Ferreira quer ser arguido e outros destaques TSF

Dono da Douro Azul alega que "nunca foi ouvido" sobre o processo em que as suas empresas estão envolvidas.

O primeiro-ministro, António Costa, que os aumentos das pensões vão ser pagos esta sexta-feira com retroativos a janeiro e anunciou, na Assembleia da República, novos mecanismos para fixar professores.

O tema da tarde no Parlamento, a moção de censura apresentada pelo Chega ao governo, acabou por resultar numa rejeição: votos contra de PS, PCP, BE, PAN e Livre e abstenção de PSD e IL. Só o Chega votou a favor.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa garante que não vai intervir no processo de regionalização, mas reconhece que este está "a deslizar" e considera que a posição do novo líder do PSD, Luís Montenegro, quebra o consenso para uma regionalização "a curto prazo".

Entretanto, o PSD propõe que regressem os debates quinzenais com o primeiro-ministro.

O empresário Mário Ferreira, dono de várias empresas que estão a ser alvo de buscas, pediu para ser constituído arguido com o objetivo de ser ouvido sobre o tema.

Em Vila Real, começam agora a contabilizar-se os prejuízos causados pela queda de granizo. Na Campeã, muitos perderam as colheitas de milho, batata e hortícolas. A campanha de castanha pode ter ficado reduzida a metade.

Um grupo de ministros do Reino Unido foi esta tarde a Downing Street, residência oficial do primeiro-ministro, para pedir a Boris Johnson que se demita.

Com a Europa a tentar encontrar alternativas viáveis ao gás russo, o presidente da comissão parlamentar da Indústria, Investigação e da Energia do Parlamento Europeu afirma que as interligações de gás na Península Ibérica, como a de Sines, vão ter um papel relevante.

Novembro de 1943. Um avião norte-americano que descolara de Marrocos fica sem combustível e despenha-se ao largo do Algarve. Jaime, José e Manuel, a bordo de um barco de pesca, fizeram o que puderam: salvaram seis tripulantes. Agora nasce em Faro uma homenagem a esta história que pode conhecer aqui:

Tem três metros de altura, cerca de 6,7 de comprimento e 76 milhões de anos. Falta saber quanto vai custar o esqueleto de Gorgosaurus que a Sotheby's New York leva a leilão a 28 de julho.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de