Porto e Lisboa unem-se em protestos contra racismo e fascismo. Veja as imagens

A Frente Unitária Antifascista organizou as duas concentrações, que juntaram centenas de pessoas.

A Frente Unitária Antifascista organizou as duas concentrações, que juntaram centenas de pessoas.

As manifestações em Lisboa e no Porto foram marcadas como resposta aos últimos acontecimentos racistas no país. Entre palavras de ordem e cartazes, apelou-se ao fim do racismo em Portugal e fecharam-se as portas ao regresso do fascismo.

Na semana passada, um grupo de dez pessoas recebeu um e-mail de uma organização de extrema-direita a exigir que abandonassem o país no prazo de 48 horas. Entre os destinatários da mensagem estavam as deputadas Mariana Mortágua, Beatriz Gomes Dias e Joacine Katar Moreira. O líder do SOS Racismo, Mamadou Ba, também foi visado e, entretanto, já prestou depoimento na Polícia Judiciária que está a investigar o caso.

A Frente Unitária Antifascista organizou as duas concentrações: em Lisboa, na Praça Luís de Camões, e no Porto, na Avenida dos Aliados.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de