Portugal retoma voos com Moçambique nos próximos dias. Quarentena e dois testes obrigatórios

Passageiros passam a ter de fazer uma quarentena obrigatória em Portugal e a apresentar dois testes negativos à Covid-19, um feito no momento do embarque e outro no desembarque.

O Governo vai levantar nos próximos dias a suspensão dos voos de e para Moçambique. Os passageiros vão passar a ser obrigados a realizar dois testes à Covid-19, um no embarque e outro no desembarque, já em Portugal, e terão também de fazer uma quarentena obrigatória.

"Nós vamos retomar os voos comerciais. Nós suspendemos os voos comerciais para que as autoridades sanitárias tivessem tempo para estudar a nova variante Ómicron e para perceber se essa nova variante obrigaria a restrições adicionais. Ela obriga a cuidados adicionais, mas não é razão bastante para manter os voos suspensos e, portanto, os voos comerciais serão retomados com Moçambique. Nós estamos a preparar a alteração do despacho que o vai permitir, sendo certo que manteremos estes três cuidados para os quais pedimos a compreensão de todos: a exigência de teste negativo à Covid para embarcar, a realização de um novo teste já em Portugal no desembarque e também realização de quarentena", referiu Augusto Santos Silva, em declarações registadas pela RTP3.

Os voos de e para Moçambique tinham sido suspensos até 9 de janeiro, no âmbito das medidas de combate à pandemia de Covid-19. Portugal Continental está em situação de calamidade pela segunda vez este ano, depois de ter estado neste nível mais elevado de resposta a situações de catástrofe, previsto na Lei de Base da Proteção Civil, entre 1 de maio e 30 de setembro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de