Lisboa, Porto e Aveiro em alerta laranja devido ao novo coronavírus

Comandante nacional da Proteção Civil explicou como esta entidade vai reagir nesta segunda fase de mitigação do novo coronavírus em Portugal.

O comandante nacional da Proteção Civil, Duarte Costa, explicou, esta quarta-feira, como vai ser o plano de ação da entidade que dirige nesta segunda fase de mitigação do novo coronavírus em Portugal e revelou que foram ativados dez planos distritais. Porto, Lisboa e Aveiro - e não Braga, como disse inicialmente, por engano, Duarte Costa - ficam em alerta laranja por serem os distritos com maiores incidências de risco e maiores incidências dos casos.

"Dos 18 planos possíveis de ativar em território nacional continental, temos dez planos ativos, nomeadamente Plano Distrital de Aveiro, Bragança, Coimbra, Faro, Guarda, Leiria, Porto, Santarém, Vila Real e Viseu. Esta contabilidade não é final, pode modificar-se a qualquer momento. Há uma necessidade de ativar planos distritais que é avaliada a cada momento", revelou Duarte Costa.

A Proteção Civil aconselhou também a população a ficar em casa, para evitar que o vírus se espalhe ainda mais, acrescentando que o plano nacional já está ativo.

"Fiquem em casa. Quando digo fiquem em casa é: fiquem definitivamente em casa. Cada pessoa que ficar em casa e interromper a cadeia de transmissão será uma pessoa que vai interromper a cadeia de transmissão. Havendo menos pessoas infetadas porque ficámos em casa significa que menos portugueses ficam doentes e menos portugueses vão morrer por Covid-19", pediu o comandante nacional da Proteção Civil.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de