PSP reforça cuidados "nos aeroportos" e recorre a drones para seguir adeptos

A PSP lembra que estão proibidas aglomerações com mais de 20 pessoas. Em Lisboa o limite é mais baixo, com apenas dez.

A PSP anunciou esta manhã os cuidados a ter com os adeptos no regresso da I Liga de futebol. Os grupos organizados de adeptos são a maior preocupação e as autoridades prometem atenção às movimentações junto ou próximo dos estádios de futebol.

"Exige-se, nomeadamente aos grupos organizados de adeptos o respeito pelo definido pela DGS. Não basta dizer que se vai cumprir, é preciso, de facto, cumprir (...) Temos mantido contactos com os grupos de adeptos", diz Luís Elias, superintendente da PSP, em conferência de imprensa, esta quarta-feira em Lisboa.

A PSP acompanhar ainda com especial cuidado a partida e chega dos jogadores aos aeroportos nomeadamente " nomeadamente no Funchal, Porto e Lisboa", para evitar aglomerações de adeptos.

Mantêm-se os cuidados habituais no futebol, preveem ainda "utilização de drones com câmaras acopladas", para seguir eventuais concentrações de adeptos junto dos estádios.

"São proibidas concentrações de pessoas superiores a 20, dez pessoas no caso de Lisboa", explica o responsável da PSP.

As autoridades portuguesas garantem ainda que têm aprendido com exemplos de outros países que já retomaram as competições, como é o caso da Alemanha, mas não só. "Na Hungria e Croácia as forças de segurança já tiveram de intervir", aponta a PSP.

A polícia garante ainda que vai fiscalizar locais para possível concentração de adeptos, como os cafés.

Liga reatada esta quarta-feira

Esta terça-feira, a Diretor-geral da Saúde voltou a alertar para os cuidados a ter por parte dos adeptos durante os jogos.

Relativamente ao distanciamento social, o ideal são os dois metros. Mesmo se estiverem a assistir pela televisão em espaços fechados, não devem esquecer esta regra e outra, muito importante, que é a partilha de objetos como copos ou garrafas - não fazer isso, de todo", disse Graça Freitas na conferência de imprensa diária sobre a covid-19, referindo-se à eventual concentração de adeptos junto a hotéis onde estão as equipas ou a estádios.

A responsável da Direção-Geral da Saúde (DGS) avisou que, "na altura da comemoração dos golos, a tendência vai ser para comemorar como antes", com "contacto físico", apelando para que a celebração decorra "sendo exuberante, mas com distância".

A I Liga vai ser reatada esta quarta-feira, sob fortes restrições e sem público nos estádios, O encontro entre Portimonense e Gil Vicente marca o regresso do futebol (19h00) , naquele que vai ser o primeiro dos 90 jogos das últimas 10 jornadas, disputadas até 26 de julho.

Além do principal escalão, também a final da Taça de Portugal, entre Benfica e FC Porto, integra o plano de desconfinamento face à pandemia de covid-19, ainda em data e local a designar.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de