Quase 50% dos portugueses tem medo de se deslocar ao trabalho devido à Covid-19

Quanto às pessoas que estão à procura de emprego, 19% afirmam que apenas aceitariam um novo trabalho se pudessem fazê-lo a partir de casa.

Quase metade dos portugueses tem medo de se deslocar às instalações da empresa onde trabalha, por receio de contrair o novo coronavírus. A conclusão é de uma sondagem elaborada pela Randstad, empresa de emprego, recrutamento e formação, que indica que 49% dos portugueses tem medo de estar presente fisicamente no local de trabalho.

A sondagem, baseada num inquérito feito a 182 pessoas, aponta ainda que 17% dos trabalhadores não conhecem o plano de contingência da empresa onde trabalham.

A confiança plena na organização e nas medidas adotadas é sentida por apenas 39% dos inquiridos, sendo que 13% assumem mesmo não se sentir seguros.

Para as pessoas que estão numa situação de desemprego ou procura de 1.º emprego, o sentimento de medo perde alguma relevância (apenas 30% assume ter receio, havendo, no entanto, 19% que aceitaria uma oportunidade apenas se pudesse trabalhar a partir de casa).

Os resultados detalhados da sondagem com a análise por idade e distrito podem ser consultados aqui.

LEIA TUDO SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de