Reclusos continuam a ser libertados à boleia da pandemia

Alguns deputados ouvidos pelo Público estranham que a medida ainda esteja em vigor.

Vários reclusos continuam a ser libertados das prisões à boleia da pandemia. O jornal Público revela que, desde abril do ano passado e até à passada 3ª feira, foram libertados 2851 reclusos.

A medida de exceção tinha sido aprovada no ano passado, para evitar a propagação da Covid-19 nas cadeias, mas, apesar do fim do estado de emergência ter terminado, o regime especial continua a ser aplicado.

Os presos a quem ainda faltam dois anos para o cumprimento das penas que não tenham sido motivadas por crimes graves podem ser libertados.

Alguns deputados ouvidos pelo Público estranham que a medida ainda esteja em vigor. A medida tinha sido aprovada com os votos a favor do PS, PCP, BE e Verdes. O PSD e o CDS votaram contra.

Na altura, Rui Rio afirmou que a pandemia não era razão para "soltar delinquentes".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de