Restaurantes proibidos de guardar dados pessoais, Porto ultrapassa Lisboa na Covid e outros destaques TSF

Empresários não percebem como é que poderão fazer prova de que o teste foi de facto feito.

Os restaurantes e hotéis estão "expressamente proibidos" de guardar dados pessoais ou os comprovativos da realização de testes à Covid-19 pelos clientes. A restrição está na última resolução do Conselho de Ministros agora publicada que atualiza as medidas do estado de calamidade. O presidente da Associação Nacional de Restaurantes (Pro.var) reage à TSF dizendo que a proibição faz sentido e que os empresários não querem registar os dados dos clientes.

Portugal tem agora cinco concelhos com mais de mil casos de coronavírus por 100 mil habitantes nas últimas duas semanas e quatro ficam no Algarve.

A Agência Europeia do Medicamento (EMA, na sigla em inglês) aprovou, esta sexta-feira, a utilização da vacina da Moderna contra o coronavírus em crianças dos 12 aos 17 anos, tornando-a na segunda vacina para adolescentes aprovada para utilização no continente.

Há empresas que estão a recusar o pagamento do dia em que os trabalhadores são vacinados contra a Covid-19. Há também relatos de casos em que os trabalhadores não são autorizados a tirar o dia, quando não têm uma hora agendada para a vacina. Em declarações à TSF, o secretário-geral da UGT, Carlos Silva, fala em situações que prejudicam o próprio país. O sindicalista lembra que é a saúde de todos que está em causa e pede aos trabalhadores que não tenham medo.

Um jovem diz ter sido insultado e agredido por dois militantes do Chega, em Viseu. Entre os alegados agressores está o candidato do partido à Câmara de Viseu, Pedro Calheiros. A proprietária de um café próximo do local onde ocorreram as agressões confirma à TSF o que aconteceu. A vítima vai agora apresentar queixa nas autoridades.

No Porto, ardeu o telhado do Palácio da Justiça. O incêndio, que começou por volta das 15h28, já foi extinto, tendo sido provocado pela colagem de tela asfáltica com recurso a um maçarico, relatou o presidente da Câmara do Porto.

Em Tóquio, os Jogos Olímpicos já começaram. Durante a cerimónia de abertura, Portugal ocupou a 168.ª posição do desfile das nações e Telma Monteiro e Nélson Évora foram os porta-estandartes.

Já no país vizinho, em Espanha, a ministra da Saúde, Carolina Darias, confirmou que será administrada uma terceira dose da vacina contra a Covid-19, tendo já sido assinados contratos com as farmacêuticas nesse sentido, embora ainda esteja por decidir quando isso acontecerá.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de