Seguros de saúde não cobrem despesas de epidemias ou pandemias

A Deco explica que as apólices de saúde excluem as doenças epidémicas, para que seja a autoridade de saúde a controlar o surto.

Todos os seguros de saúde têm uma lista de exclusões que isenta as seguradoras de despesas contratadas. As epidemias e as pandemias fazem parte dessa lista. O texto das apólices pode variar mas Mónica Dias, especialista em seguros da Deco, garante que "esta exclusão consta em todas as apólices de seguros de saúde".

Em declarações à TSF, Mónica Dias afirma que a única exceção "é a mútua de seguros MGEN, que tem características completamente diferentes da restante oferta de mercado".

A especialista em seguros da Deco explica que, numa situação de epidemia, a autoridade de saúde deve exercer um controlo sobre os casos diagnosticados e os tratamentos. "Se eu recorrer ao setor privado, provavelmente estarei a fugir a este controlo."

Já os seguros de vida não excluem a cobertura de morte ou invalidez que decorra na sequência de uma situação de epidemia ou pandemia. "Pelo menos, seguros de vida que são atualmente comercializados em Portugal."

As apólices de viagem oferecem cobertura sobre o cancelamento da viagem mas Mónica Dias garante que é "muito variável". Neste caso, a Deco aconselha os consumidores a consultarem a seguradora.

Outras Notícias

Patrocinado

Apoio de

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de