"Sem resposta e sem soluções." Reclamações contra companhias aéreas disparam

O diretor do Portal da Queixa revela à TSF que o cancelamento de voos está entre os grandes motivos.

No último mês e meio dispararam o número de reclamações contra as companhias aéreas e o cancelamento de voos é uma das principais causas. Pedro Lourenço, diretor do Portal da Queixa, fala em quase duas centenas de reclamações e revela que em causa estão pessoas que ficam sem soluções ou respostas. A TAP fica mal na fotografia.

"Neste último mês e meio já estamos a falar de cerca de 200 declarações que, no fundo, incidem sobre estas dificuldades que se relacionam diretamente com os reembolsos, vouchers e utilização das remarcações dos cancelamentos. Tudo orbita à volta desta dificuldade que as marcas têm, nomeadamente a TAP, em dar resposta. A TAP, por exemplo, na plataforma tem uma taxa de resolução de apenas 13% e igual como taxa de resposta, o que significa que grande parte das pessoas ficam sem resposta e sem soluções", explicou à TSF Pedro Lourenço.

Os passageiros têm procurado a ajuda do Portal da Queixa. Só para esta terça-feira, a ANA - Aeroportos de Portugal estima o cancelamento de 28 voos no aeroporto de Lisboa, seis no Porto, quatro em Faro e dois na Madeira.

Este número de cancelamentos é inferior ao registado durante segunda-feira, com a ANA a reportar 32 cancelamentos com chegada e partida do Aeroporto Humberto Delgado, após 65 cancelamentos no sábado e 39 no domingo.

Na origem destas situações estão falta de pessoal, greves e outros fatores externos agravantes, nomeadamente climáticos, relacionados com a Covid-19 ou com imprevistos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de