Sobe para 74 o número de casos de varíola dos macacos em Portugal. Mais 16 em 24 horas

A DGS anunciou, esta sexta-feira, mais 16 casos de monkeypox em Portugal.

A DGS anunciou, esta sexta-feira, mais 16 casos de varíola dos macacos em Portugal, subindo para 74 o número total de casos confirmadas.

A maioria das infeções foram notificadas, até à data, em Lisboa e Vale do Tejo, "mas também há registo de casos nas regiões Norte e Algarve", pode ler-se no comunicado enviado às redações.

Todos as infeções por monkeypox confirmadas em Portugal são em homens "entre os 23 e os 61 anos, tendo a maioria menos de 40 anos".

De acordo com a DGS, os infetados "mantêm-se em acompanhamento clínico, encontrando-se estáveis e em ambulatório". Além disso, "a informação recolhida através dos inquéritos epidemiológicos está a ser analisada para contribuir para a avaliação do surto a nível nacional e internacional".

Perante sintomas suspeitos, como lesões cutâneas, devem também ser adotadas medidas preventivas: evitar o contacto físico direto com outras pessoas, partilhar vestuário, toalhas, lençóis e objetos pessoais.

Se um potencial caso positivo se dirigir a uma unidade de saúde, "deverão cobrir as lesões cutâneas", alerta-se.

Esta quarta-feira, o secretário de Estado Adjunto e da Saúde, António Lacerda Sales, afirmou que, pelo conhecimento que há desta doença, a vacina e antivirais são os processos que existem de prevenção de tratamento.

O governante disse ainda que Portugal tem vacinas e antivirais, mas precisa de "adquirir [mais] para a reserva estratégica de medicamento".

A doença rara, que tem o nome do vírus, é endémica na África Ocidental e Central, mas menos perigosa que a varíola, erradicada do mundo há 40 anos.

Estima-se que as infeções em pessoas que ocorreram fora de África estejam ligadas a viagens internacionais ou a animais importados.

O período de incubação (tempo desde a infeção até ao aparecimento dos sintomas) do vírus Monkeypox é geralmente de sete a 14 dias.

A doença, que tem o nome do vírus, foi identificada pela primeira vez em humanos em 1970 na República Democrática do Congo, depois de o vírus ter sido detetado em 1958 no seguimento de dois surtos de uma doença semelhante à varíola que ocorreram em colónias de macacos mantidos em cativeiro para investigação - daí o nome "Monkeypox" ("monkey" significa macaco e "pox" varíola).

ACOMPANHE AQUI TUDO SOBRE A VARÍOLA DOS MACACOS

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de