"Talvez estejamos no pico da quarta vaga em Lisboa"

Ministra da Saúde admite que capital pode estar a enfrentar o pico da quarta vaga da pandemia.

A ministra da Saúde, Marta Temido, admite que Lisboa pode estar a enfrentar o pico da pandemia, mas diz precisar de mais dados.

"Em Lisboa, talvez neste momento estejamos no pico, mas precisamos de mais dados dos próximos dias para ter a certeza de que passámos a fase pior e mesmo que isso aconteça precisamos de continuar a apostar nas medidas de precaução básicas. Elas não são muito exigentes face àquilo que nos permitem", explicou Marta Temido.

Já sobre o processo de vacinação, a ministra sublinha o esforço e trabalho "incansável" dos profissionais de saúde.

"Neste momento estamos a registar bem mais do que 120 mil doses por dia e neste centro têm sido três mil doses, por dia, nos últimos dias. Isto envolve muitas manobras, muitas pequenas ações, para que todos possam ser vacinados", afirmou a ministra da Saúde no centro de vacinação de Carnaxide.

Em reação à carta aberta dos profissionais de saúde, que pedem que não se volte a um confinamento, a ministra disse que neste momento o país já tem um conjunto de medidas que são adaptadas à atual situação.

"O que esta carta nos diz é que talvez possamos conseguir controlar os números mantendo as medidas que neste momento estamos a praticar", acrescentou Marta Temido.

LEIA AQUI TUDO SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de