Vídeo. Quatro meios aéreos e 200 operacionais combatem incêndio em Rio Maior

Estão ainda 61 viaturas no local.

O incêndio em Quinta do Brinçal, em Rio Maior, está a ser combatido por 211 operacionais e quatro aeronaves.

No teatro de operações, às 19h00, estão ainda 61 viaturas. O alerta para o incêndio no distrito de Santarém foi dado às 15h56 desta segunda-feira.

No mesmo local já tinha existido um incêndio na última semana, que deflagrou no dia 11 de agosto. No mesmo dia foi dado como dominado.

Em declarações à Lusa, fonte do CDOS de Santarém adiantou que, apesar de o incêndio lavrar num "perímetro grande", está a ceder aos meios.

"Ainda está ativo, com alguma intensidade, mas está a ceder aos meios de combate. Portanto, a situação é favorável", apontou.

A mesma fonte disse ainda que não existe registo de habitações que estejam em risco.

O incêndio em Samerdã, em Vila Real, que deflagrou às 07h03 deste domingo continua a ser aquele que é combatido por mais meios. No local estão 517 operacionais, 148 viaturas e sete aeronaves, de acordo com o site da Proteção Civil.

Em Vila Real há outro incêndio ativo, em Rojão do Meio, onde se encontram 65 operacionais, 17 viaturas e dois meios aéreos.

No total nacional há nove incêndios em curso, que estão a ser combatidos por 980 operacionais, 272 veículos terrestres e 16 aeronaves.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de