Acontece no Brasil

Todas as quintas-feiras, o correspondente da TSF em São Paulo, João Almeida Moreira, assina a crónica Acontece no Brasil – um país onde a realidade e o insólito andam muitas vezes de mãos dadas.

Pastor que abusou de mulher em viagem de autocarro desculpa-se com: "cai em tentação"

Religioso de 59 anos introduziu a mão nas calças da passageira do lado, de 39, enquanto esta dormia. Ele começou por alegar estar também a dormir.

Na longa viagem de autocarro de Vitória, capital do Espírito Santo, a Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, quase todos os passageiros acabam por adormecer.

Uma passageira de 39 anos, cujo nome vem sendo preservado, não foi exceção. Começou por cochilar, a expressão brasileira para aquele sono leve, e acabou num sono profundo.

A meio do sono, no entanto, acordou assustada com a mão do passageiro do lado dentro das suas calças "a fazer movimentos fortes e consecutivos".

Ela alertou imediatamente o motorista, que, por sua vez, parou no primeiro posto da polícia rodoviária. Já em Belo Horizonte, destino da viagem, o agressor, um pastor protestante de 59 anos, foi preso e prestou o seu curioso depoimento.

Disse ele que também estava a dormir quando colocou a mão nas calças da passageira do lado e que a "importunação sexual" não passou de um sonho.

Mais tarde, porém, admitiu que não, que estava bem acordado e, fiel à sua condição de religioso, usou a expressão "caí em tentação". Ele alegou que isso se deveu ao facto de não estar com uma mulher há mais de 20 anos.

Detido em Belo Horizonte, de acordo com o o artigo 215-A de setembro de 2018 do estatuto da mulher arrisca de um a cinco anos de prisão por "praticar contra alguém e sem a sua anuência ato libidinoso com o objetivo de satisfazer a própria lascívia ou a de terceiro".

O correspondente da TSF em São Paulo, João Almeida Moreira, assina todas as quintas-feiras a crónica Acontece no Brasil.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de