Acontece no Brasil

Todas as quintas-feiras, o correspondente da TSF em São Paulo, João Almeida Moreira, assina a crónica Acontece no Brasil – um país onde a realidade e o insólito andam muitas vezes de mãos dadas.

Quatro polícias, aliás três, morrem em tiroteio

O agente Doretto não gostou de ser abordado por três companheiros de profissão num encontro que resultou em quatro mortes. Sucede que ele, ao contrário do que pais e amigos pensavam, jamais foi da polícia.

Zona oeste de São Paulo, cinco da manhã. Três agentes da Força Tática, como são chamadas as patrulhas ofensivas da polícia paulista, abordam dois jovens num automóvel.

Um deles, Cauê Doretto, 24 anos, levanta-se, mostra o distintivo aos agentes e entrega a arma - é polícia, como eles.

Mas, enquanto estes conferiam a autenticidade do documento, Doretto pega uma segunda pistola e dispara contra o trio, que reage. No tiroteio morrem todos, os agentes da força tática e Doretto.

Para o amigo de Doretto que assistiu a tudo do automóvel e sobreviveu, a cena, além de trágica, foi absurda: por que razão quatro polícias se matam uns aos outros?

Os pais de Doretto, abalados pela tragédia, também não entenderam: sabiam que num país violento como o Brasil o filho até poderia ser morto por criminosos; jamais esperariam que acabasse abatido por polícias, como ele.

Cauê Doretto, que jamais se separava da arma, das algemas, do distintivo, os objetos que eram o seu orgulho, era considerado um polícia exemplar por família e amigos.

O único problema é que ele nunca foi polícia.

Comprou, a um agente corrupto chamado Daniel Bortolote, o curso de tiro, as armas e o tal distintivo falso que mostrou aos agentes que matou - e o mataram.

Participou em dezenas de ações policiais e revelava-se particularmente duro, ao ponto de em mensagem de telemóvel a que a investigação teve acesso, polícias comentarem os excessos do suposto colega.

Só durante a investigação da morte dos três polícias a fraude de Doretto foi descoberta, conta o programa Fantástico da TV Globo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de