Governo Sombra

Eles querem, podem, mas não mandam! Ricardo Araújo Pereira, Pedro Mexia e João Miguel Tavares - num programa moderado por Carlos Vaz Marques - são o Governo Sombra. Um governo que não decide. Uma equipa ministerial sem consenso. Um conselho de ministros que convive bem com as fugas de informação. Semanalmente, passam a atualidade em revista, examinam à lupa os dossiês, interpelam os protagonistas sem rodeios.
Domingo, depois das 11h00. À segunda-feira, depois das 13h00 em versão compacto

Ricardo Araújo Pereira decretou "Terrabolismo" no Governo Sombra

O novo presidente da Funarte acredita que a Terra é plana, e Ricardo Araújo Pereira decidiu decretar em sentido inverso.

Dante Mantovani é o nome do novo presidente da Funarte, a Fundação Nacional das Artes, órgão público que fomenta as artes no Brasil. O novo presidente caiu nas bocas do mundo depois de dizer ao jornal brasileiro O Globo que o "o rock ativa a droga, que ativa o sexo, que ativa a indústria do aborto" e que "a indústria do aborto alimenta uma coisa muito mais pesada que é o satanismo" . Dante Mantovani disse também acreditar que a CIA tinha infiltrados do serviço soviético no festival Woodstock de 1969, e que esses infiltrados terão feito distribuição em larga escala de LSD aos festivaleiros, com o objetivo de acabar com a civilização.

Como se tudo isto não bastasse, Dante Mantovani acredita que a Terra é plana, e apelida quem não partilha a sua crença de "terrabolista". Ricardo Araújo Pereira decretou por isso "Terrabolismo", e lamenta que o Brasil esteja a regressar à idade média, empregando a dose de habitual de humor negro.

A emissão completa do Governo Sombra, para ver ou ouvir, sempre em tsf.pt.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de