Ninguém disse que isto ia ser fácil

Conversas conduzidas pelo jornalista Paulo Farinha sobre dúvidas, alegrias, angústias, sentimentos e todas as emoções que temos quando falamos de educação, parentalidade e relacionamentos. As histórias do dia-a-dia dos filhos que estão a crescer, os pais que estão a envelhecer, a relação que parece à deriva ou a família que não escolhemos mas com a qual temos de lidar. Psicólogos, psiquiatras, psicoterapeutas, terapeutas de casal, educadores, enfermeiros, pediatras, juízes, professores. E todas as pessoas que nos ajudam a falar da vida como ela é, para que ela seja mais como gostaríamos que fosse. Ou só para a entendermos melhor.

"A relação com o meu pai foi um amor envergonhado"

Como se ensina um filho a falar de emoções? O hábito tem de começar quando ele é criança. Deixá-lo à vontade para falar de tudo. Filhos tiraram com ele dúvidas sobre sexualidade, mas de forma muito comedida. Relação com os filhos é mais próxima do que a relação que ele tinha com o pai: "foi um amor envergonhado". Mas com a mãe falava bastante. Até o aconselhou sobre namoradas.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de