O Bichinho da Rádio

Saúde, comportamento e direito animal, Gente, bichos e a nossa vida em comum.
Para ouvir à segunda-feira, depois das 18h30. Com Dora Pires.

Já não se dá banho ao cão… faz-se grooming

Quem não perceba muito de cães diria que o Nelito é cão de raça, mesmo que não seja fácil perceber qual. "O segredo está no grooming", explica Tiago. Poderíamos dizer tosquiador ou cabeleireiro de cães, mas é mais que isso.

É graças ao grooming que Nelito, um rafeiro "bem parecido e elegante", acaba de chegar ao pódio de um concurso de beleza canina em Matosinhos, o que é raro, para não dizer único, quando se trata de cães sem raça pura.

O Nelito foi adotado, tinha sido abandonado. É arraçado de podengo português. Tiago Mendes é mais que o dono orgulhoso, é o groomer.

Em português, a profissão perderia o estilo, seria algo como tosquiador. Mas está tudo cada vez mais global e refinado no reino dos animais de companhia e tratar do pelo a um bicho, hoje em dia, exige especialização.

"O mais importante é o stripping, no caso do Nelito é o que faz a diferença", explica depois Tiago que é a técnica de retirar as camadas de pelo morto e deixar só o novo. Mas ser groomer é mais que isso, é também dar banho ou cortar as unhas e só quem nunca experimentou pode achar que é fácil ou simples, sobretudo quando as unhas são pretas.

Há todo um mundo de regras também para manter o pelo cuidado e saudável, para ajudar o cão a atravessar o inverno ou a arrefecê-lo no verão.

Outras Notícias

Patrocinado

Apoio de

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de