Sinais

Os "Sinais" nas manhãs da TSF, com a sua marca de água de sempre: anotação pessoalíssima do andar dos dias, dos seus paradoxos, das suas mais perturbadoras singularidades. Todas as manhãs, num minuto, Fernando Alves continua um combate corpo a corpo com as imagens, as palavras, as ideias, os rumores que dão vento à actualidade.
De segunda a sexta, às 08h55 e 14h10

De gola alta e colarinho branco

Mal o dia clareava, já os clientes madrugadores, cotovelos apoiados no balcão da pastelaria, faziam gala em aprimorar dichotes afogueados sobre o caso das golas. "Então, lá degolaram o padeiro..." disse um tipo sanguíneo com voz de trombone, presumindo que o gracejo o firmava em alcândora respeitável, do mesmo passo que os antecedentes profissionais do adjunto caído em desgraça lhe retirariam qualquer resquício de protecção civil. Da gola alta ao colarinho branco vai um palmo de língua afiada.

Pelo sim, pelo não, fica a zeros a agenda ministerial. O Centro Distrital de Operações de Socorro de Santarém, em Almeirim, abre portas sem ministro. As palavras são mais inflamáveis em dia de anunciados ventos fortes.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados