TSF à Mesa

Portugal fora, as fronteiras entre regiões são traçadas pelas paisagens e pela mesa. Das cidades às serras ou na imensidão das planícies, da melhor tradição portuguesa ao vanguardismo mais ousado. António Catarino sugere um país gastronómico que vale a pena apreciar.

Cozinha em boa forma nas encostas amarantinas

Nas Encostas de Formão, com Amarante à vista, uma atraente quinta alberga restaurante muito espaçoso e moderno, com uma cozinha sólida, de base tradicional, que garante prazenteira refeição.

Enquadrada pelas serras do Marão e da Aboboreira, palco de classificativas famosas no mundo dos ralis, Amarante é um dos destinos turísticos nortenhos mais visitados.

Nas espelhadas águas do Tâmega, a imagem refletida da velha ponte de S. Gonçalo recorda gestas heroicas de resistência à invasão napoleónica.

Mais a jusante, a moderna ponte da A4, permite acesso rápido e cómodo, no sentido poente-nascente, à margem esquerda do rio e à estrada nacional 210 na direção de Marco de Canaveses.

Escassas dezenas de metros andados nesta rodovia, surge, à direita, a indicação de restaurante. Um portão abre caminho da quinta onde está localizado o restaurante Encostas de Formão.

Para ouvir:Cozinha em boa forma nas encostas amarantinas

A localização é privilegiada, com uma esplanada de onde a vista alcança o altivo monte da Sr.ª da Graça, mesmo em frente, em pano de fundo ao casario amarantino. Vinhedos e um jardim bem cuidado jardim dão cor a um cenário marcado pelo bucolismo onde se ergue uma construção moderna.

Obras de remodelação transformaram o vasto espaço, que se divide por duas salas muito espaçosas, uma destinada a grupos. À esquerda, um balcão de apoio ao restaurante liderado por nova gerência, que imprimiu outra dinâmica, apostando numa cozinha que privilegia produtos regionais de qualidade.

Luz natural em abundância; conforto e modernidade, decoração minimalista. Cadeiras confortáveis; mesas postas com rigor; baixela de qualidade; toalhas e guardanapos em tecido, copos adequados.

A ementa não é particularmente vasta, enunciando quatro propostas de peixe e igual número de pratos de carne.

Para começar, a escolha das apelativas propostas designadas por «couvert» e colocadas no tabuleiro que vem à mesa é difícil: moelas, rojões, pataniscas, saladinha de polvo, petingas fritas podem ser opções.

Nas entradas clássicas, surgem tábua de queijos e presunto; alheira com grelos e um muito saboroso salpicão regional.

Nos pratos de peixe, assinale-se a presença do bacalhau à Narcisa, designação hoje já pouco vista nas ementas, em que surge o bacalhau à Braga. A origem citadina é a mesa, mas honre-se a memória de quem criou a receita original.

Outras propostas são pescada com amêijoas; espetada de tamboril e o mais corriqueiro salmão grelhado.

Nas carnes, de excelente qualidade e sabor, referência para o medalhão de vitela com molho de vinho do Porto e para a excelente posta com batata a murro.

O naco à Encostas de Formão é alternativa neste domínio.

Aos sábados, o cozido alterna com tripas à portuguesa, especiosas e bem servidas, apuradas, credoras de boa nota.

Nas sobremesas, brilham os amarantinos, uma ode à doçaria local, e o pudim da casa.

Carta de vinhos bem elaborada e abrangente, em que se incluem os bem elaborados verdes da Quinta do Outeiro de Baixo.

Serviço simpático neste restaurante de bons sabores e onde impera uma culinária sólida.

Encostas de Formão, em Amarante.

Onde fica:
Localização: Rua das Carvalhinhas, 2224 Cepelos, 4600-026 Amarante
Telef.: 255 441 194 ; 926 709 765 ; 926 709 761

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de