TSF Pais e Filhos

Como a intuição não chega e eles não nascem com livro de instruções, a TSF propõe um programa para partilhar ideias, conselhos de quem sabe (desde os conselhos técnicos de pediatras e psicólogos, aos conselhos de pais), propostas de lazer, de brincadeiras, de passeios e reportagem. Sem nunca deixar de responder às dúvidas dos pais, vamos também ouvir os filhos. Com coordenação de Rita Costa.
De segunda a sexta, às 08h40, com repetição às 16h40. Edição alargada à terça-feira, às 18h45.

Que tipo de pais querem ser? Dos que desistem ou dos que persistem?

A pergunta é formulada por Constança Cordeiro Ferreira, terapeuta familiar especialista em comportamento de crianças e bebés que deixa pistas para a reflexão.

Os pais são modelos e o exemplo que dão é, na maior parte das vezes, seguido pelos filhos. É por isso que Constança Cordeiro Ferreira desafia os pais a pensarem como é que querem ser vistos pelos filhos. "São daquele tipo de pais que desistem? Ou daqueles que persistem?", pergunta.

A terapeuta familiar especialista em comportamento de bebés e crianças aconselha os pais a pensarem se costumam levar as decisões até ao fim e se dizem coisas como "não sou capaz de fazer isso", ou se, pelo contrário, mantêm-se firmes e não fogem a um desafio.

"Se for do tipo que diz não comes mais chocolate, mas depois de uma birra lá troca o não pelo sim é dos que desiste", assegura Carolina Vale Quaresma que lembra que o filhos estão atentos. Percebem e assimilam. "A grande questão aqui, é que quando somos do tipo de pais que desistem, ensinamos esse modelo aos nossos filhos."

De forma consciente, acredita a especialista, os pais não vão querer educar filhos desistentes e, por isso mesmo, convida-os a refletirem sobre as atitudes que têm enquanto progenitores, garantindo que vale a pena persistirem.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de