Um dia de cada vez

O que é preciso é viver Um Dia de Cada Vez! O que é preciso é dizer Um Dia de Cada Vez. A jornalista Teresa Dias Mendes abre a janela da rádio e interroga a dura prova da passagem dos dias: os receios, os novos desafios, o modo como se resiste a um isolamento exigente.
Para ouvir de segunda a quinta-feira, depois das 19h00 e em TSF.PT

Porque conversar é caminhar com palavras

O peso dos alimentos na quarentena

Somos o que comemos, e João Rodrigues escolhe ser saudável. Há muito que o médico nutricionista segue este lema de vida. O duelo dos alimentos é hoje uma batalha ainda mais importante para cuidar do corpo e da cabeça. A pandemia também se combate à mesa.

Grãos de aveia e grãos de cevada, são dois dos acompanhamentos que experimenta por estes dias, "para fugir ao trio arroz, massa e batata". João Rodrigues avisa que nada tem contra os três alimentos, mas gosta de procurar alternativas, e o isolamento tem sido um pretexto e uma oportunidade para fazer experiências.

Licenciado em bioquímica, e doutorado em ciências biomédicas, acabou por completar a formação académica na área da nutrição, e é com os alimentos que gosta de estar. O Mundo da Nutrição é o nome de um blog onde partilha estudos e dá dicas sobre os melhores nutrientes, a cozinha é hoje um espaço maior na vida deste professor universitário, e médico nutricionista, que vive em Viana do Castelo.

A cidade onde nasceu parece chamar por ele, sempre que vê as ruas desertas através das redes sociais ou quando sai de casa para ir ao supermercado. Confessa as saudades de palmilhar as ruelas de Viana e os muitos lugares entre o mar e a foz do rio Lima. Este ano, está convencido, não vai poder celebrar as tradicionais festas da Sra. da Agonia, em Agosto, "será a primeira vez", ele que marca sempre as férias a contar com as romarias que enchem a cidade naquela altura do ano. Também suspira pela vista do Monte da Senhora de Santa Luzia, um dos locais que frequenta amiúde. Mas serão as ruas mais estreitas da cidade, as primeiras que vai visitar, assim que puder ter licença para se levantar da mesa.

Até lá vai testando sabores e texturas, vai amassando o pão com as mãos, criando massas de pizza e habituando o palato a uma alimentação mais variada, que é hoje um aliado poderoso no combate à pandemia.

João Rodrigues avisa que não há alimentos que reforcem o sistema imunitário, "até prova em contrário", há simplesmente alimentos que nos ajudam a garantir uma alimentação variada e completa, com o aporte de vitaminas e minerais que fazem falta ao organismo.

Nem suplementos que façam milagres, outra teoria que parece levedar por estes dias. Explica que os suplementos são úteis para pessoas que possam ter carência de um determinado nutriente, e que não gostem das fontes alimentares que o acautelam. "Aí faz sentido tomar", mas não se pode banalizar.

Fica o alerta e a lista do que devemos garantir com o que comemos, " vitamina A, C, e D, zinco, selénio e anti-oxidantes". O isolamento também não pode servir de desculpa para ficarmos inactivos e abandonarmos o exercício físico. No canto do quarto de João Rodrigues lá estão "18 pacotes de leite", os pesos que improvisou para sacudir a falta de um treino mais rigoroso.

Um dia de cada vez é um programa de Teresa Dias Mendes. Pode ser ouvido na íntegra, de segunda a quinta, depois das 19h00, na antena da TSF e em TSF.PT - Um dia de cada vez

* Nota do Editor: a autora não escreve ao abrigo do novo acordo ortográfico

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de