Uma questão de ADN

Podem ser irmãos, avós e netos, pais e filhos, companheiros, marido e mulher... São pessoas da mesma família que se juntam para uma conversa em que se fala de tudo. São percursos de vida e testemunhos que atravessam diferentes gerações. O que os une para lá do apelido, o que os separa para lá da diferença de idades.
Quarta-feira, depois das 13h00. Repete ao domingo, após as 14h00. Com Teresa Dias Mendes

Uma questão de ADN

Miguel Correia e Marta Correia são irmãos

Para quê a guerra? Miguel e Marta Correia

"Este livro não devia existir", começa logo por dizer Miguel Correia, o autor do texto e fundador da editora Ideias com História. São já quase 10 anos (celebrados em Abril) a produzir conteúdos para os mais novos, sempre com a preocupação de procurar o contexto das realidades que nos rodeiam". Desta vez é a guerra na Ucrânia que salta para as páginas, 80 páginas, de um livro cuja protagonista é uma menina que sonha ser Presidente do seu país. Iryna é ucraniana e acaba de chegar a Portugal, com a mãe e o irmão. Miguel Correia e Marta Correia também são irmãos. Ele formado em História, ela em Psicologia. Para quê a guerra? Ainda não acabou a história.

Verdes Anos no corpo de uma guitarra portuguesa

Verdes Anos no corpo de uma guitarra portuguesa

"Está tudo no tempo certo e está tudo bem quando nós ouvimos a Mafalda." As palavras são de Luísa Amaro, que encontra na jovem do Porto "a respiração e a pulsação do Carlos Paredes". No passado sábado, elas foram duas entre seis mulheres, seis intérpretes, que na Voz do Operário, em Lisboa, prestaram tributo ao grande mestre, que dizia ser apenas um homem que sabia tocar guitarra. Mafalda Lemos tem 19 anos, começou pela guitarra clássica até que, ainda pequena, ouviu o som que a deixou "fascinada". E convenceu-se de que seria capaz. As mulheres, a guitarra portuguesa e os mágicos movimentos perpétuos, em Uma Questão de ADN.

Uma Questão de ADN, com Edite Estrela e Diogo Maria Cardoso

"Movem-me causas, não me movem cargos." Edite Estrela em Uma Questão de ADN

Sobre a futura mesa da Assembleia da República, "continuarei a guardar silêncio". Edite Estrela prefere esperar pela confirmação das escolhas do Partido Socialista, afirmando que sejam quais forem os nomes, terão o seu voto. A conversa é outra, ao lado do neto que, a 30 de janeiro, votou pela primeira vez. Um dia simbólico para Diogo Maria Cardoso, que às vezes dá por ele a pensar: "Não sei como é que a minha avó atura isto..."

A Alma de Pedro e Ana

A Alma de Pedro e Ana

BY FLAVIO, a curta portuguesa seleccionada para Berlim, é o pretexto para a viagem que fazemos até à capital alemã, onde o realizador Pedro Cabeleira e a actriz Ana Vilaça respeitam o período de quarentena imposto pelas autoridades. Com eles viajou a filha, de dois anos e oito meses, o que os obriga a cinco dias de isolamento. Instalados na periferia da cidade, numa casa com um pequeno jardim, está cada um na sua divisão, à hora marcada para a conversa, a hora da sesta de Alma. Há-de acordar entretanto, assumindo o seu papel principal na vida do casal. " Papá, eu acordei, e tu não estavas lá".