Verdes Hábitos

Os hábitos também se mudam. No combate ao estado de emergência climática, todas as semanas damos a conhecer novas ideias para mudar velhas rotinas. Com Sara Beatriz Monteiro e Inês André de Figueiredo.
Para ouvir todas as sextas-feiras, às 18h40.

Como reduzir o desperdício na casa de banho

Leia a crónica da fundadora das lojas Organii, Cátia Curica, que esteve no programa "Verdes Hábitos" a conversar sobre cosmética amiga do ambiente.

Cada vez existem mais opções no que respeita a cuidados pessoais. Se antigamente o mercado oferecia uma ou duas variedades de champôs, gel de duche e pasta de dentes, atualmente a oferta é tanta que os consumidores não sabem muitas vezes o que escolher. Adicionalmente, a falta de informação é generalizada e o marketing é por vezes distorcido, o que leva muitas vezes a escolhas menos certas.

A necessidade de reduzirmos a nossa pegada ecológica é premente e, como tal, devemos começar o quanto antes a alterar os nossos hábitos de consumo. Podemos fazê-lo passo a passo, começando por pequenas, mas sustentadas alterações, indo ao encontro das nossas necessidades e gostos pessoais.

A minha sugestão é começar por uma divisão da casa. Podemos ir directos à nossa cozinha, roupeiro, garagem, mas, como fundadora da primeira loja de cosmética biológica em Portugal, vou começar pela casa de banho. Vamos a isto?

Olhe para a sua casa de banho e conte quantas embalagens encontra. Provavelmente, terá pelo menos quatro: champô, amaciador, gel de duche e pasta de dentes. Se é mulher, provavelmente tem ainda outras embalagens que passam pela máscara capilar à maquilhagem. Embora não seja ainda possível reduzir completamente as embalagens em todos os produtos, já existem várias opões com pouco ou nenhum desperdício. Algumas sugestões para reduzir o desperdício:

1. Experimente champô e amaciador em barra/sólidos

Existem no mercado já algumas marcas que oferecem champôs em barra. O seu formato faz com que seja possível conservarem-se fora de uma embalagem, facto que em nada influencia a sua durabilidade e eficácia.

2. Dê oportunidade a uma pasta de dentes em frasco/barra

Grande parte das pastas de dentes disponíveis no mercado são vendidas dentro de duas embalagens: uma de plástico (muitas vezes não reciclável ou com grande percentagem de plástico virgem) e outra de cartão. Na verdade, não existe a necessidade deste duplo embalamento e já existem marcas que oferecem pasta de dentes em frascos de vidro ou em barra. A maior parte são também mais conscientes no que toca à sua lista de ingredientes e, por isso, poderão não ser tão doces ou fazer a habitual espuma. No entanto, ao nível das propriedades e da eficácia, terá mais benefícios com pastas dentífricas de origem biológica.

3. Escolha escova de dentes de bambu

Ainda no que respeita à saúde oral, existem no mercado várias escovas de dentes de bambu. O bambu provém de fontes sustentáveis. Trata-se de uma matéria-prima autossustentável e biodegradável. Estas escovas são mais amigas do ambiente que as escovas de dentes convencionais, feitas de plástico.

4. Prefira sabão para lavar o corpo

Os nossos avós sabiam o que faziam. O gel de duche é uma invenção recente e que, infelizmente, veio para ficar. No entanto, já existe uma consciencialização para o desperdício criado pelos vários produtos de higiene, e o gel de duche é um dos grandes responsáveis. Assim, opte por utilizar um sabonete ou sabão para se lavar. Para além de ser uma opção amiga do ambiente, acaba por ser uma experiência sensorial interessante.

5. Hidrate o corpo com óleo a granel

Os óleos corporais são uma excelente alternativa aos cremes de corpo convencionais. A sua textura faz com que durem mais tempo - com algumas gotas consiguirá cobrir todo o corpo. Para além de ser uma opção mais ecológica, já que pode comprá-los a granel, são também mais saudáveis, já que a maior parte dos cremes de corpo convencionais têm demasiados conservantes, corantes e aromas tóxicos.

6. Desmaquilhe-se com uma musselina

Se utilizar dois discos de algodão por dia, ao fim de um ano terá deitado ao lixo quase 700 discos de algodão. Poupe o ambiente (e a carteira) optando por toalhitas reutilizáveis ou uma musselina de algodão. As musselinas de algodão são uma excelente solução, mesmo para quem tem a pele sensível. Poderá desmaquilhar-se com um pouco de óleo ou com o produto que utiliza habitualmente. Verá que depois de experimentar este método não vai querer voltar ao antigo algodão.

Estes são apenas os primeiros passos para um dia-a-dia com menos desperdício. É importante, no entanto, dar início a estas mudanças de forma sustentada. Para mais dicas visite o blog da Organii Bio.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados