Verdes Hábitos

Os hábitos também se mudam. No combate ao estado de emergência climática, todas as semanas damos a conhecer novas ideias para mudar velhas rotinas. Com Sara Beatriz Monteiro e Inês André de Figueiredo.
Para ouvir todas as sextas-feiras, às 18h40.

Repair Café Lisboa: aqui nada se perde, tudo se conserta... e sem pagar

Rafael Calado é o coordenador do Repair Café Lisboa e esteve à conversa com a TSF no programa "Verdes Hábitos".

Roupas, eletrodomésticos e móveis. No Repair Café Lisboa nada se perde, tudo se repara ou reutiliza. O conceito nasceu na Holanda, espalhou-se pelo mundo e chegou a Lisboa há três anos. Um dos responsáveis por trazer a iniciativa para a cidade foi o arquiteto Rafael Calado que esteve à conversa com a TSF no programa "Verdes Hábitos".

"Nós anunciamos os nossos eventos no Facebook , com periodicidade geralmente mensal, as pessoas inscrevem-se e depois levam os seus objetos ao FabLab para serem reparados", começa por explicar Rafael Calado, acrescentando que para além de os artigos serem consertados, os donos são ensinados a arranjá-los.

No momento da inscrição, os donos dos objetos têm de "descrever a avaria, o objeto e assinar digitalmente uma declaração em como o objeto pode não ficar reparado", porque, por vezes, os artigos são reutilizados: "Muitas vezes os objetos não podem ser reparados, mas podem ser utilizados para outro fim."

Os eventos têm ganhado cada vez mais adeptos, muitos deles repetentes, isto, porque, acredita Rafael Calado, "há cada vez mais consciência de que o modo como consumimos não é sustentável".

Rafael Calado deixa três dicas a quem quer fugir à cultura do descartável e iniciar um estilo de vida mais consciente: "não consumir tanto - pensar primeiro antes de comprar", "não descartar logo à primeira qualquer coisa que deixe de funcionar" e "a própria pessoa reparar as coisas (por exemplo, colar louça e dar-lhe um novo aspeto e uma nova história)".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de