Avião "ataca" com sementes zonas destruídas pelos incêndios

O projeto "Semear Portugal por Via Aérea" arranca esta quarta-feira.

Um avião Dromader M-18 que é utilizado no combate aos incêndios florestais, mas também na agricultura vai estar envolvido nos próximos dois dias numa "operação" que pretende evitar a erosão dos solos dos espaços que foram dizimados pelas chamas.

O aparelho vai descarregar numa área de cerca de 50 hectares nos concelhos de Gouveia, Mangualde, Nelas, Oliveira do Hospital, Seia e Tondela milhares de sementes de gramíneas e leguminosas que foram oferecidas por duas empresas.

É sobretudo nas encostas, os sítios de menor acesso e onde existe maior risco de derrocadas, que serão largadas estas autênticas "bombas de sementes". Os locais foram escolhidos pelos municípios envolvidos.

A sementeira não é uma técnica nova em Portugal. Já foi utilizada em Braga e S. Pedro do Sul, com sucesso. A iniciativa vai continuar no próximo ano e poderá ser alargada a outros territórios.

O projeto "Semear Portugal por Via Aérea" é uma ação conjunta do movimento cívico "Replantar Portugal", da Take C'Air Crew Volunteers, da Quercus e da empresa de serviços aéreos Avitrata.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de