Era Espacial começou há 60 anos

Foi a partir do Cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão, uma das antigas repúblicas da União Soviética, que partiu o primeiro satélite lançado pelo Homem.

Foi sobre o lançamento do primeiro satélite, e de outras viagens espaciais que se lhe seguiram - e algumas que ainda aí hão de vir - que a TSF conversou com Rui Agostinho, o diretor do Observatório Astronómico de Lisboa.

O professor sublinha que ainda não tinha nascido quando Nikita Khrushchov, então líder da União Soviética, deu luz verde para o lançamento do foguetão que transportava o Sputnik 1.

Mas o pai de Rui Agostinho ouviu-o diretamente, já que estava numa posição privilegiada para escutar o satélite soviético que deu arranque à Era Espacial.

De 1957 até hoje já foram lançados milhares de satélites e há mais de mil em órbita à volta da Terra. Muitos são militares e de espionagem, outros são comerciais e têm em vista as telecomunicações. Há também os de uso civil, para pesquisa científica. Uns atentos ao planeta, outros aos rumores do universo. E há também as sondas que se lançam em direção a outros planetas.

Rui Agostinho, o diretor do Observatório Astronómico de Lisboa, considera nesta altura há uma nova indústria a nascer, a do turismo espacial. E que empresas como a Space X, em poucos anos vão dar um novo impulso às viagens pelo espaço.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de