CTT recebem mais de 170 mil cartas enviadas pelas crianças ao Pai Natal

Entre 170 mil a 200 mil cartas enviadas pelas crianças vão ter resposta por parte dos correios, na iniciativa Pai Natal dos CTT. Pai Natal Solidário entrega presentes a cerca de 1500 crianças carenciadas.

Os CTT - Correios de Portugal devem, este ano, dar resposta a mais de 200 mil cartas enviadas pelas crianças ao Pai Natal. São cartas que têm como destinatário a "Casa da Lapónia", a "Terra da Neve" ou o "Planeta dos Brinquedos", que são aceites sem selo e que fazem parte da iniciativa Pai Natal dos CTT.

Todos os anos, nesta época, entram nos marcos do correio de todo o país milhares de cartas. Miguel Salema Garção, diretor de Marca e Comunicação dos CTT, espera que em 2018 os números sejam semelhantes aos de anos anteriores. "Estamos em crer que entre 170 mil a 200 mil cartas serão recebidas pelo Pai Natal dos CTT. Neste momento, já temos bastantes cartas a serem trabalhadas pelas nossas equipas", diz à TSF.

As cartas recebidas têm sempre resposta, um presente que é enviado para cada uma das crianças: "É uma pequena lembrança, muito significativa e plena de solidariedade neste tempo festivo. Todas as cartas serão respondidas", garantem os correios, que adiantam que a iniciativa que se repete há vários anos, com cartas em papel, não tem sofrido com a digitalização.

"Neste tipo de iniciativas, a componente física é fundamental, apesar de estarmos na era digital", afirma Miguel Salema Garção, que sublinha que as cartas que podem servir também para estimular o gosto pela língua portuguesa. "Estas iniciativas são muito proporcionadas pelos incentivos que os professores e os encarregados de educação fazem junto das crianças".

Além do Pai Natal dos CTT, outra das iniciativas dos correios é o Pai Natal Solidário, que convida os portugueses a apadrinharem crianças desfavorecidas de um total de 45 Instituições Particulares de Solidariedade Social.

"As crianças escrevem cartas e desafiamos os portugueses a apadrinharem uma dessas cartas, depois nós fazemos a entrega dos presentes junto das instituições de solidariedade que, por sua vez, fazem a entrega às crianças, proporcionando-lhes um natal mais feliz, mais alegre e mostrando que a magia desta época festiva também a eles chega", sublinha Miguel Salema Garção.

O Pai Natal Solidário decorre até ao final do ano e deve entregar um total de 1500 presentes.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados