Diretores esperam que reunião com Governo não incendeie mais os professores

Sindicatos reúnem esta sexta-feira com o Ministério da Educação.

A Associação Nacional de Diretores de Agrupamentos e Escolas Públicas pede "fumo branco" para a reunião desta sexta-feira entre Ministério da Educação e sindicatos dos professores.

Sem sinais positivos nos últimos meses, o presidente da associação teme que os novos protestos já marcados possam afetar o arranque das aulas, depois de um muito agitado final de ano letivo, numa discussão que tem no centro a recuperação do tempo de serviço congelado.

O representante dos diretores, Filinto Lima, diz que o ano letivo tem condições para se iniciar com normalidade, mas há uma "nuvem negra" a pairar sobre as escolas.

A associação de diretores teme que se a reunião acabar mal isso agite e revolte ainda mais os professores que pelo que ouve andam muito zangados com o governo.

A reunião com o governo envolve uma dezena de organizações sindicais e está marcada para esta sexta-feira a partir das 15 horas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de