Cozinha alentejana na Cabana de Arronches

Na vila alentejana de Arronches, há um espaço, acolhedor, mas pequeno na dimensão, onde a cozinha evidencia nível merecedor de nota elevada, pelo tratamento culinário dado aos pratos regionais.

No extremo sul do distrito de Portalegre, a namorar Espanha, que fica ali tão perto, a vila de Arronches, vizinha de Campo Maior, é a imagem do arquétipo de povoação alentejana: casario branco e ruas tranquilas, onde se ouve o chilrear da passarada.

Com uma história de conquista e reconquista, já no século XIII, por intervenção do mestre da ordem de Santiago, D. Paio Peres Correia, Arronches tem património monumental para apreciar: a igreja matriz de Nossa Senhora da Assunção, um templo quinhentista; a Fonte do Vassalo, do século XVIII, o convento de Nossa Senhora da Luz construído no século XVI e a torre de menagem do antigo castelo.

Um périplo pela vila, que pode ter pausa à mesa - e como é saborosa a rica gastronomia alentejana - no restaurante A Cabana, na rua de Olivença. É uma casa de piso térreo, caiada de branco e com o típico barrão a dar mais colorido.

O espaço interior é acanhado, com teto em madeira, suportado por traves; paredes em tijolo e pedra e um balcão de apoio à sala, de ambiente muito acolhedor. A decoração da pequena sala é rústica; as mesas em madeira cobertas com toalhas em tecido aos quadradinhos.

Nesta parcela do vasto Alentejo, o lacão assado, vulgo pernil; as sopas de cachola e o frango de tomatada são pratos muito apreciados e que de algum modo se afirmam como pitéus diferenciadores num campo tão vasto como é o da gastronomia desta região, onde os petiscos têm um lugar muito especial.

Este restaurante de Arronches não foge à regra e apresenta lista sugestiva, onde brilham os queijos, ovo com farinheira, tiras de choco frito ou língua estufada entre variadas opções.

Nos pratos de resistência, migas com carne da matança; bochechas de porco assadas no forno e pezinhos de coentrada são referências de uma ementa de sabor bem alentejano. Aliás, reforçado pelas burras, ou seja, as bochechas de porco com osso.

Noutro campo, o bacalhau dourado, uma versão do à Brás, que ganhou, por aqueles lados, estatuto muito particular, pode ser alternativa.

Doçaria de muito bom nível. Garrafeira com referências de qualidade. Serviço muito simpático neste restaurante pequeno na dimensão, mas grande na qualidade. A exemplo de outras situações, os restaurantes não se medem aos palmos. É o (saboroso) caso de A Cabana. Em Arronches.

Onde fica:
Localização: R. de Olivença 20A, 7340-019 Arronches
Telef.: 969 014 430

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de